Arquivo da categoria ‘religião’

Publicado: 31 dezembro, 2006 em psicologia, reconversão, religião

Este link leva a um debate não tão curioso assim. É sobre a questionável terapia de reconversão de orientação sexual.
O texto é em inglês.

A mensagem está pronta para ser enviada com estes anexos de arquivo ou link:
Atalho para: http://www.gayprocon.org/bin/procon/procon.cgi?database=5-E-Subs-2.db&command=viewone&op=t&id=10&rnd=462.9714074269709

Observação: para se proteger de vírus de computador, os programas de email podem impedir o envio ou recebimento de alguns tipos de anexo de arquivo. Verifique as configurações de email para determinar como os anexos são manipulados.

Publicado: 6 dezembro, 2006 em Canadá, Casamento, religião, União Civil, Warken

Fonte: http://gonline.uol.com.br/site/arquivos/estatico/gnews/gnews_noticia_18946.htm
05.12.06

Enquanto o líder do Partido Liberal do Canadá, Stéphane Dion, anunciou que lutará contra a reabertura da discussão sobre o casamento gay, aprovado no país em 2005, grupos cristãos canadenses disseram nesta terça-feira, dia 5 de dezembro, que farão de tudo para estimular os parlamentares a defenderem o casamento como a união somente entre pessoas do sexo oposto.

O movimento é liderado por Charles McVety, do Defend Marriage, movimento independente de defesa do casamento “tradicional”. Segundo McVety, cerca de 30 membros do Partido Liberal já teriam se comprometido a votarem a favor da reabertura do debate sobre a lei do casamento gay.

A medida de McVety é apoiada pelo Partido Conservador, que governa o Canadá desde janeiro. Logo após as eleições, o então eleito primeiro-ministro Stephen Harper anunciou que pediria um novo debate sobre o casamento gay.

Publicado: 26 novembro, 2006 em pênis, religião, sexualidade

MONGE DETONA PÊNIS PORQUE FICOU EXCITADO

De acordo com o site Terra, um moge budista tailandes deu uma machadada no seu pênis porque se excitou durante uma meditação. Ele não aceitou ter o seu pênis reimplantado porque diz não querer estar ligado as coisas terrenas.

Faça-me o favor! Já pensaram se todos os religiosos que tivessem desejos sexuais em estados meditativos começassem a fazer coisas iguais?

Não há coisa mais terrena e humana que o desejo sexual? Há que ponto essas criaturas chegaram. E, eu não vejo estas atitudes de auto-mutilação com bons olhos porque caras como estes se enquadram perfeitamente no perfil de paranóicos que violentam crianças ou se tornam bombas humanas acabando com centenas de vidas em nome da religião, seja ela qual for.