A FALTA DE COERÊNCIA E A COERÊNCIA NA FALTA QUANTO A LGBT’S

Publicado: 26 agosto, 2010 em Uncategorized

AS PROPOSTAS QUANDO NOS EXCLUEM FAZEM DE CONTA QUE INCLUEM

Há quem diga que nunca se viu o povo com tanto poder aquisitivo, que as classes X,Y ou Z podem fazer e obter mais. E, nós, LGBT’s estamos em meio a este povo desde a classe mais alta até a mais pobre.

A questão central que vejo que não estamos focando nas discussões são as formas possíveis de fazer garantir a cidadania plena LGT. Nem vou me referir a Bissexuais que estão lá ou cá conforme a conveniência em sua maioria. Mas há poucos e poucas chateados/as com as promessas de campanhas anteriores não cumpridas em nosso ambito.

Já antevejo até a possibilidade de algumas pessoas LGT’s estarem mais preocupad@s com possíveis cargos públicos que com o movimento propriamento dito.

Falta-nos uma consciência de COLETIVO que independente de onde esteja, em que agremiação em que esteja, abre mão de uma ideologia pela igualdade ou isonomia de direitos, e equidade  relativa aos gêneros.

Tenho feito comentários aqui nesse espaço mostrando a FALTA DE UMA LÓGICA DE DISCURSO LGBT e a necessidade de união entre defensores e defensoras de agremiações políticas distintas por terem os mesmos anseios, desejos, e lutas e deixam o discurso político ultrapassar a LÓGICA DA FALTA DA IGUALDADE, DA FALTA DE DIREITOS FUNDAMENTAIS.

Enquanto o discurso no ambito da política de estado possa ser diferente, os anseios pela igualdade se dão em muitos partidos que não sejam tão reacionários. 

Há problemas de montão nos filhos da ARENA E MDB, mas até lá temos que tomar cuidado para não misturar um anseio global com um anseio do coletivo LGBT onde, em todos os partidos, encontramos resistências.

Nesse sentido, nós estamos errando muito mais pela falta de uma linguagem que não seja tangencial aos discursos, oratórias oportunistas. Mas uma linguagem que faça parte do ideário de alguma agremiação.

O medo de partidos declararem-se favoráveis a união civil ou estável em propaganda políticas tem a ver com as possíveis alianças futuras.

Essa eleição não esta sendo feita para ou considerando LGBT’s, mas os outros, que não nos consideram e querem as coisas como estão, até mesmo na manutenção do status quo. Quem diria que a social democracia e o socialismo repetiriam o modus operandi da mesmice eleitoral de outrora apenas em busca de quantidade de votos e em menor qualidade de discursos.

Abraço

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s