IGLHRC e CEDEP Elogiam perdão presidencial no Malawi

Publicado: 30 maio, 2010 em Uncategorized

http://warken.posterous.comhttps://warken.wordpress.comhttp://www.glssite.com.brhttp://www.facebook.com/warken

Para saber: Tiwonge Chimbalanga (20 anos) e Steven Monjeza (26) se casaram numa cerimônia simbólica e foram condenados a 14 anos de prisão por "violarem a ordem da natureza", em Malawi (onde fica Malawi?)

O Malawi é um país interior da África Austral. Limita-se ao norte e a nordeste com a Tanzânia, ao sul, este e sudoeste com Moçambique e ao oeste com a Zâmbia.

http://upload.wikimedia.org/wikipedia/
commons/thumb/7/7d/Mi-map.png/277px-Mi-map.png

Google Map:

A notícia vem de onde: do Boletim da IGLHRC. (O que é isso?)

International Gay and Lesbian Human Rights Commission (IGLHRC) é uma organização líder internacional dedicada à defesa dos direitos humanos em nome de pessoas que sofrem discriminação e abusos, com base em sua orientação sexual real ou percebida, a identidade de gênero ou expressão.

Press realease in English: http://www.iglhrc.org/cgi-bin/iowa/article/pressroom/pressrelease/1131.html

NOTÍCIA

IGLHRC e CEDEP Elogiam perdão presidencial no Malawi (2010/05/29)

Media Consultivo: As informações são provenientes de Cape Town, onde há colaboradores da IGLHRC

Contatos para a Mídia:

Cary Alan Johnson, diretor executivo da IGLHRC (New York): (347) 515 0330, Email: cjohnson@iglhrc.org

Chivuli Ukwimi, Saúde e Direitos Humanos Officer, IGLHRC (Cape Town): (27) 21 469 3700, (27) 79 440 3938, Email: cukwimi@iglhrc.org

Presente Trapence, Director, CEDEP (Blantyre): (265) 888 5097 32;: emailgtrapence@yahoo.co.uk , directorcedep@yahoo.com

(29 de maio de 2010, Cape Town) –

Hoje, o pedido de perdão incondicional e imediata libertação da prisão de Tiwonge Chimbalanga (20 anos) e Steven Monjeza (26) pelo Presidente de Malawi e da União Africana presidente Bingu wa Mutharika fi bem recebido. Os dois foram a cumprir uma pena de 14 anos de prisão com trabalhos forçados por suas convicções com as proibições Malawi Código Penal sobre "crimes não-natural" (artigo 153) e "práticas indecentes entre homens" (artigo 156). Eles estão em custódia desde sua detenção em Dezembro. wa Mutharika Presidente fez o anúncio em uma conferência de imprensa conjunta em Lilongwe com o Secretário-Geral das Nações Unidas Ban Ki-Moon.

"Nós elogiamos o Presidente Mutharika por chegar a uma decisão que impede que duas pessoas inocentes passem anos na prisão sem justa causa", disse Cary Alan Johnson, diretor executivo da International Gay e Lesbian Human Rights Comissão. "O perdão deve ser encarada como um desafio significativo para a legislação e procedimentos que são inerentemente injusto. No entanto, não deve exigir uma intervenção presidencial para lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros Malawians para obter justiça.

"Nós aplaudimos Presidente Mutharika por essa corajosa decisão", disse Dom Trapence, Diretor Executivo do Centro para o Desenvolvimento de Pessoas. "Como Presidente da União Africana, suas ações devem estabelecer um precedente para que os líderes africanos possam respeitar, cumprir e proteger os direitos dos africanos e africanas, incluindo gays, lésbicas, bissexuais e transgêneros. Esperamos que o presidente agora perdoe todos os/as malawianos/as presos/as com base na orientação sexual ou identidade de gênero, que o Judiciário subverte todas essas condenações, e que o governo garanta os direitos constitucionais de igualdade e não discriminação para todos e todas.

Para obter mais informações, consulte o arquivo de Malawi IGLHRC em:»http://www.iglhrc.org/cgi-bin/iowa/region/44.html

Para perguntas, por favor contate:
Sam Cook, Diretor de Comunicações, IGLHRC (New York): (212) 430-6023, Email: scook@iglhrc.org

Tradução básica e pesquisa: Roberto Warken

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s