Governo inclui medicamento no coquetel de combate à Aids

Publicado: 8 outubro, 2008 em Uncategorized

SUS

Governo inclui medicamento no coquetel de combate à Aids
Publicado em 07.10.2008, às 20h53

O
Ministério da Saúde autorizou o SUS (Sistema Único de Saúde) a
distribuir o medicamento Raltegravir, um anti-retroviral para pessoas
que desenvolveram multirresistência aos tratamentos comuns. A decisão
da Citec (Comissão de Incorporação de Tecnologias) já foi ratificada
pelo ministro José Gomes Temporão.

O
diretor-adjunto do Programa Nacional de DST e Aids, Eduardo Barbosa,
afirmou que essa é a 18ª droga a ser incorporada para disponibilização
dos usuários. "Tínhamos 17 drogas que são distribuídas no Sistema Único
de Saúde e para todas as pessoas que, vivendo com o HIV, precisam fazer
o tratamento."

De
acordo com Barbosa, o Raltegravir é uma droga importante para pacientes
cujo tratamento falhou e não está respondendo a outras combinações.
"Com o Raltegravir [os pacientes] terão uma nova possibilidade de
melhoria de qualidade de vida e da adesão ao tratamento".

Segundo
ele, a prescrição será feita a cada pessoa por seu próprio médico.
"Todas as prescrições seguem a questão da orientação dos médicos, tem
uma série de exames que terá que ser feito. Esse medicamento é
específico, o paciente estará a partir da indicação do seu médico tendo
passado por outros esquemas terapêuticos".

Barbosa
afirmou que esse medicamento será disponibilizado no SUS a partir do
próximo ano. "O medicamento começará a ser distribuído a partir de
janeiro, por conta dos processos de compra e negociação com o
laboratório produtor".

Para
ele, todos os medicamentos são drogas e interferem no sistema orgânico.
"Cada droga tem as suas variantes e essa também tem os seus efeitos
adversos que não são tão fortes. É melhor poder contar com uma droga
que possa melhorar e ampliar a sua expectativa de vida do que não ter
essas drogas. Essas 18 drogas trazem problemas que estamos buscando
avaliar e minimizar esses efeitos adversos".

O
diretor afirmou ainda que a expectativa é que a nova droga favoreça e
melhore a vida das pessoas que já passaram por tratamentos que não
surtiram efeitos. "Inicialmente esperamos atender cerca de 100 usuários
com essa nova droga, mas podemos estender esse número até o final de
2009", avaliou.

Fonte: Agência Brasil


Eduardo Peret
http://ocabideiro.blogspot.com

Estamos sempre jogando com o universo. Alguns jogam xadrez, outros jogam pôquer. E tem quem jogue amarelinha. Eu jogo RPG. (E. Peret)

Posted by email from Roberto Warken (posterous)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s